Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Bancas’ Category

A editora Abril aprimorou o site ExperimenteAbril.com, em que os internautas podem folhear todas as revistas em formato digital gratuitamente. Navegação fácil, muitos títulos a disposição, mas não se engane: as edições disponíveis para o leitor fazer seu test-drive são ultrapassadas. Você fica com a sensação de que está folheando as revistas do seu dentista, só que pelo computador.

CUIDADO! Na página principal do site, é solicitado o nome e o e-mail do usuário e as revistas que ele pretende experimentar. Embora não seja preciso preencher fichas e mais fichas de cadastro, o site joga sujo ao colocar em letras miúdas a seguinte frase: “quero receber informação do Grupo Abril e de empresas parceiras”. O internauta é obrigado a desativar essa função caso não queira receber ainda mais entulho na caixa de e-mails.

Anúncios

Read Full Post »

A idéia do pessoal da Banca Top Center para fidelizar a clientela é digna do prêmio de melhor banca do ano, pelo menos até agora. Você compra qualquer revista mensal e pode trocá-la por outra revista daquele mesmo mês. Exemplo: você já comprou a Placar de junho, leu inteirinha, e agora pode trocar pela Playboy da Mulher Melancia, pagando apenas a diferença de preço entre as duas. São duas revistas pelo preço de uma.

COMO FUNCIONA

  • Você compra uma revista mensal na Banca Top Center.
  • Peça para o atendente carimbar a última página da revista.
  • Quando for comprar outra revista, leve a que está carimbada. Você só paga a diferença de preços – a segunda revista não será carimbada.

O QUE NÃO VALE: comprar a Playboy de junho, carimbá-la e tentar trocá-la pela Playboy de julho. As revistas têm que ser do mesmo mês.

BANCA TOP CENTER
Avenida Paulista x Alameda Joaquim Eugênio de Lima
(em frente ao McDonalds)

Read Full Post »

Quem leu pelo menos uma revista em junho já deve ter visto a nova campanha publicitária da Bem de Raiz, marca da Aracruz Celulose que agrega todas as ações de responsabilidade socioambiental da empresa. São páginas com fundo preto e a fotografia de pessoas mais velhas, cujas rugas no pescoço simbolizam raízes de árvores.

A propaganda tem algo a dizer para quem faz revista: uma boa foto é capaz de chamar mais a atenção do leitor quando não há texto nenhum sobre ela. Um dos pilares do novo projeto gráfico da Época, discutido recentemente em Já nas Bancas, é a separação entre texto e foto, evitando poluir a imagem – “poucas, mas boas fotos”. A propaganda da Aracruz é a prova de que é possível parar em uma página apenas para admirar uma boa foto.

Read Full Post »

O último feriado prolongado do ano. Esse deve ser um bom argumento para a pausa de Já nas bancas, que volta a ser atualizado na próxima segunda-feira, dia 26.

Abaixo, uma seleção do que Já nas bancas produziu em seus primeiros 13 dias de vida: (mais…)

Read Full Post »